O prefeito de Itaquaquecetuba, Dr. Mamoru Nakashima assinou na segunda-feira (dia 18) o termo de doação do terreno para o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (IFSP) para a construção de um campus no município. A solenidade aconteceu no gabinete do prefeito e contou com a presença do reitor da IFSP, Arnaldo Augusto Ciquielo Borges, secretário de Governo José Elidio Rosa Moreira, secretário Jurídico Municipal, Augusto Vieira da Silva.

A área doada corresponde a dois lotes, o primeiro localizado na Rua Fernando Vasconcelos Rossi, esquina com a rua Oito de Dezembro com 16.592 metros quadrados. A segunda área possui 9.760 metros quadrados e está localizado na Rua Quinze de Novembro, esquina com a rua Primeiro de Maio.
O total das áreas corresponde a 26.352 metros quadrados e são considerados de fácil acesso para moradores de Itaquaquecetuba e região e foram escolhidos principalmente para atender as necessidades do Instituto Federal e o município.

Segundo o Reitor Arnaldo Augusto Ciquelo Borges, a previsão inicial é de que os cursos sejam oferecidos no segundo semestre de 2014, porém o processo pode variar de acordo com o andamento da licitação das obras. “Estão sendo realizados estudos socioeconômicos para traçar o perfil do município e posteriormente será realizada uma audiência pública com entidades, autoridades políticas e representantes da sociedade para que sejam definidos quais os cursos devem ser implantados que atendam a necessidade da região. Desse modo é possível implantar cursos para qualificar melhor o munícipe e atender o mercado de trabalho” explicou o reitor.

Para o prefeito Dr. Mamoru Nakashima a implantação de um campus da IFSP é uma grande oportunidade para qualificar melhor os jovens para o mercado de trabalho. “O Instituto Federal oferece ensino gratuito de altíssima qualidade e para o município de Itaquaquecetuba e região é uma grande oportunidade de desenvolvimento profissional. Quem ganhará com isso serão as empresas e diversos setores que empregam, além da população que estará mais preparada para o mercado de trabalho” destacou o prefeito.

O Instituto Federal terá capacidade para atender cerca de 1.200 alunos. Os cursos de cada unidade podem variar conforme a necessidade do município e vão desde PROEJA (Programa de Integração da Educação Profissional ao Ensino Médio na modalidade de Educação de Jovens e Adultos), PROEJ-FIC (direcionado a cursos técnicos para adultos), Ensino Médio Integrado ao Técnico, Curso Técnico, Superior em Tecnologias, Licenciaturas, Engenharia, Pós-graduação Lato Sensu e Pós-graduação Stricto Sensu.

A Instituição Federal conta também com a política de cotas e pretender desenvolver uma parceria com a prefeitura para realizar ações direcionadas para pessoas de baixa renda.

Fonte: Assessoria de Imprensa Municipal