A Secretaria de Esporte e Lazer está com inscrições abertas para pessoas portadoras de algum tipo de deficiência interessadas em participar do projeto de inclusão social pela prática de Esportes Adaptados. Para participar os interessados devem possuir idade entre 10 e 60 anos e comparecer no Ginásio de Esportes, à Rua Santa Rita de Cássia, Vila Japão, munidos de documento com foto ou entrar em contato pelo telefone (11) 4641 4085. 

Entre as modalidades esportivas adaptadas para deficientes estão: a bocha adaptada, atletismo adaptado, futebol para deficiente visual, voleibol sentado, futebol de cinco e futebol paraolímpico de 7 PC (para portadores de paralisias cerebrais).

Segundo o técnico de paraolimpíada escolar, Erasmo Ferreira da Trindade, no ginásio municipal Sumyoshi Nakaharada já estão sendo treinados 26 alunos das modalidades esportivas adaptadas. A maioria são estudantes com deficiência intelectual severa da APAE (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais). “O esporte adaptado estimula o desenvolvimento pessoal e social da criança. Fortalece também a afetividade, na medida em que a criança pratica com outros colegas e é observada pelo público; favorece a habilidade perceptivo-motora e desenvolve a concentração e precisão. Acima de tudo, a atividade nos ajuda a entender que todas as pessoas podem praticar esportes e beneficiar a coletividade. É o princípio da inserção social e o primeiro passo para a integração” explica Erasmo. O técnico aproveitou para comunicar que os atletas de futebol 7 PC participarão do Campeonato Paulista Paraolímpico no dia 20 de abril.

De acordo com o secretário de Esportes e Lazer, Ronaldo Fernandes Nava é a primeira vez que é desenvolvido um projeto de inclusão esportiva pela prefeitura de Itaquaquecetuba no município. “Nossa intenção desde o início é desenvolver atividades esportivas para pessoas de todas as idades inclusive para os deficientes físicos e intelectuais e proporcionar a toda a população acesso à atividade física oferecendo mais qualidade de vida para todos” conclui Nava.


Fonte: Assessoria de Imprensa Municipal